Velo estreia fora contra o Rio Branco

67

Matheus Pezzotti

Pré-temporada com João Vallim teve início no começo de janeiro. Além dos treinamentos, o Rubro-Verde realizou dois jogos-treino, quando venceu por 2 a 0 a Inter de Limeira e o São Bento
Pré-temporada com João Vallim teve início no começo de janeiro. Além dos treinamentos, o Rubro-Verde realizou dois jogos-treino, quando venceu por 2 a 0 a Inter de Limeira e o São Bento

Também neste sábado (31), às 17h, o Velo Clube estreia na série A-2 contra o Rio Branco, fora de casa. No entanto, o Rubro-Verde poderá levar vantagem, já que a partida será em campo neutro, no Estádio Jaime Cintra, em Jundiaí, já que o Estádio Décio Vitta está interditado pela Federação Paulista de Futebol (FPF).

“A dificuldade sempre existe. Tirar proveito do seu campo, onde se habituou a treinar, o Rio Branco não terá. Será um fator a menos para eles e isso pode nos ajudar”, diz João Vallim.

Para o jogo, o treinador não contará com o meia Judson e com o lateral-esquerdo, que também joga como volante, Calixto, por ainda não terem suas documentações registradas na FPF.

Mas ao menos Vallim poderá contar com jogadores que estavam no departamento médico, casos do atacante Tom, que se recuperou de uma forte pancada no pé e será opção no banco de reservas, e do volante Ricardinho, que já tirou os sete pontos da perna, também provenientes de uma pancada no jogo-treino contra a Inter de Limeira, e também deve ficar no banco.

Na pré-temporada, o Rubro-Verde fez dois jogos-treino, quando venceu por 2 a 0 a Inter de Limeira e o São Bento.

“O Rio Branco vai ser um parâmetro muito bom para o que o nosso time vai representar nesse campeonato. Está muito bem preparado, fez uma excelente pré-temporada e nesses 20 dias de trabalho o Velo vai com a força máxima dentro das possibilidades do time que treinei”, acrescenta.

O Rio Branco fez mais jogos-treino: vitórias sobre o Atibaia (1 a 0) e Itapirense (2 a 1) e empates contra a Ponte Preta (0 a 0), Capivariano, Audax e XV de Piracicaba (por 1 a 1).

A equipe será a mesma que jogou contra o Nhô quim, com: Cleber Alves; Wendell, Émerson, João Gabriel e Nichollas; Romário, Sampson, Sandro Costa e Maicon Douglas; Jobinho e Fernando.

O Tigre tem como principais nomes o atacante Jobinho, vice-artilheiro da Copa Paulista com 10 gols, o volante Sandro Costa, ex-Corinthians e Inter de Porto Alegre, e o goleiro Cleber Alves, ex-Rio Claro FC, que ainda não sofreu gols e não perdeu para o Velo. Foram três jogos, dois pela Copa Paulista em 2012 (ambos 1 a 0) e outro na A-2 de 2013 (2 a 0). Fahel Júnior também está invicto, pois era o treinador do rival na Copa Paulista e terá o desfalque do lateral-esquerdo Pedrinho, com lesão na coxa.

Detalhes do jogo você confere na transmissão da Rádio Excelsior Jovem Pan, 1.410 kHz. Acompanhe online aqui pelo site do JC.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: