Matheus Pezzotti

O volante PC, mais uma vez foi um dos melhores do Rubro-Verde em campo e foi o autor do gol da vitória, no segundo tempo
O volante PC, mais uma vez foi um dos melhores do Rubro-Verde em campo e foi o autor do gol da vitória, no segundo tempo

Na noite da última sexta-feira, pela oitava rodada da série A-2, o Velo Clube venceu o Atlético Sorocaba, em casa, por 1 a 0 e agora, com cinco jogos sem perder, se afasta da zona de rebaixamento e somando 11 pontos, está na 10ª colocação. Já o time sorocabano se aproximou do Z-4 com os mesmos 8 pontos.

O gol da vitória velista foi marcado pelo volante PC aos 36 minutos do segundo tempo, quando ambos os times pouco jogavam e o nível havia caído drasticamente em campo.

O Rubro-Verde volta a jogar na próxima terça-feira (10), às 20h, fora de casa, contra o Batatais, que perdeu para o Oeste nesta rodada por 3 a 1, em Itápolis.

O JOGO
Início promissor e bastante movimentado, com a primeira chance para os visitantes logo no primeiro minuto. Após escanteio, a bola sobrou para Dézinho, que bateu fraco e Rafael fez a defesa. O Velo respondeu em seguida. Leleco recebeu em profundidade, avançou e bateu na saída do goleiro que fez grande defesa.

Pelas laterais, o Atlético Sorocaba levava perigo, mas o Rubro-Verde, com Valdo fazendo papel de pivô, deixava os meias em condições de finalizar em gol. Em uma delas, Judson recebeu e na cara do gol, bateu tirando do goleiro, para fora. O Velo quase marcou de cabeça, em duas oportunidades. Na primeira, cruzamento da direita e Duda cabeceou, mas Adilson espalmou. Na outra, cruzamento da esquerda e Calixto testou tirando do goleiro, mas acabou fazendo grande defesa.

Aos dois do segundo tempo, Judson tocou em profundidade para Leleco que bateu da pequena área, a bola resvalou no goleiro, bateu no travessão e foi para fora. Depois disso, o nível caiu drasticamente, com os dois times errando muitos passes, criando muito pouco, com os setores ofensivos se atrapalhando com a bola e as zagas levando a melhor.

Mas aos 36, Leleco avançou na direita até a linha de fundo e cruzou, a bola desviou na zaga, bateu na trave e sobrou sozinha para PC apenas empurrar a bola para o fundo das redes.

“Tanto bate até que fura. Tivemos muitas finalizações e conseguimos meter essa bola para dentro. O mais importante são os três pontos que foi fundamental para a gente continuar vivo na competição, crescendo jogo a jogo”, disse o técnico João Vallim na saída de campo.

FICHA TÉCNICA
VELO CLUBE 1 x 0 ATLÉTICO SOROCABA
Local: estádio Benito Agnello Castelano, em Rio Claro
Árbitro: Rodrigo Gomes Paes Domingues
Assistentes: Patrick André Bardavil e Antonio Francisco de Souza Silva
Público: 653 pagantes
Renda: R$ 11.475,00
Cartões amarelos: Tom e PC (Velo Clube) e Alex, Deyvid Saconi e Canga (Atlético Sorocaba)
Gol: PC aos 36’/2T (Velo Clube)

VELO CLUBE
Rafael; Mizael, Duda, João Victor e Calixto; PC, Niander, Judson (Tom) e Ricardinho (Marquinhos); Leleco e Valdo Gigante (Selmir). Técnico: João Vallim

ATLÉTICO SOROCABA
Adilson; Alex, Dézinho, Doni e Canhoto; Átila (Lucas Vieira), Elielton, Tufa e Romário (Deyvid Saconi); Matheus Guerreiro (Canga) e Caio. Técnico: Ruy Scarpino.