Em coletiva realizada nesta sexta-feira (08), o governo estadual anunciou a nova classificação das regiões paulistas no Plano SP de combate à Covid-19.

Com o aumento do número de casos da doença, e consequente alta nas internações e nas mortes, houve um retrocesso para algumas regiões. No caso de Rio Claro, que pertence à região de Piracicaba, a fase amarela será mantida.

Desde 30 de novembro de 2020, a região já estava na fase amarela (com exceção dos períodos de Natal e de Ano Novo, quando todo o estado ficou na fase vermelha). Nos meses de outubro e novembro, a região de Piracicaba havia avançado para a fase verde, com liberação de vários serviços e atividades, mas em 30 de novembro foi feito o anúncio do retrocesso.

Na coletiva, o governo também anunciou mudanças dentro de cada fase em relação às regras para funcionamento do comércio, do setor de serviços e da vida social. Também foram alterados os critérios utilizados para estabelecer em qual a fase cada região é classificada.

Com as mudanças, 90% da população paulista passa a viver em fase amarela, enquanto para 10% vai vigorar a fase laranja, mais restritiva.

Ficam na fase laranja as regiões de Presidente Prudente, Sorocaba, Registro e Marília.

Mais em Notícias:

Coronavirus atinge a marca de 100 milhões de infectados

Rio Claro tem 179 óbitos por coronavírus

Morre o professor José Carlos Moreno, o ‘Cacau’