Com sete casos registrados nesta semana, Rio Claro soma 30 confirmações de dengue em 2022. A doença é transmitida pelo mosquito Aedes aegypti, também transmissor de chikungunya, zika vírus e febre amarela. Não há registro de casos destas doenças neste ano no município.

O Aedes aegypti se reproduz em água parada. Por isso é essencial eliminar os recipientes e manter os quintais sempre em ordem, além de descartar corretamente os materiais. Ações preventivas continuam sendo realizadas pelo Centro de Controle de Zoonoses em toda a cidade. O trabalho inclui visitas casa a casa e vistorias em pontos estratégicos.

A Fundação Municipal de Saúde alerta a população para redobrar os cuidados no combate ao mosquito transmissor.

A sua assinatura é fundamental para continuarmos a oferecer informação de qualidade e credibilidade. Apoie o jornalismo do Jornal Cidade. Clique aqui.

Mais em Dia a Dia:

Mega Sena paga hoje prêmio de R$ 43 milhões