O monumento apresenta a composição de três balões de tamanhos e desenhos diferentes

Divulgação

O monumento apresenta a composição de três balões de tamanhos e desenhos diferentes
O monumento apresenta a composição de três balões de tamanhos e desenhos diferentes

Com seis metros de altura por 2,5 metros de largura e aproximadamente três toneladas de chapa metálica, foi inaugurado na manhã do último sábado (26) o monumento que marca a realização do 21º Campeonato Mundial de Balonismo em Rio Claro. Conforme lembrou o prefeito Du Altimari ao inaugurar o monumento, esta foi a primeira fez que mundial aconteceu na América Latina. Até então, a competição só era realizada na América do Norte, Europa e Ásia.

“Este monumento é também uma prova de que a população de Rio Claro está plenamente satisfeita com a realização do mundial”, afirmou Edison Romagnoli, presidente da Confederação Brasileira de Balonismo. “O balonismo se mostrou um esporte democrático em sua beleza”, avaliou a vice-prefeita Olga Salomão ao comentar a participação da comunidade.

O arquiteto Marcos Pisconti Machado, autor da concepção artística da obra e que fez todo o acompanhamento da montagem do monumento, explicou que o enferrujamento natural da chapa metálica dará a coloração ideal à obra, que futuramente receberá um sistema de iluminação.

O monumento apresenta a composição de três balões de tamanhos e desenhos diferentes e despertou grande curiosidade de quem passou pela rotatória da Avenida 29 com Rua 9, local onde foi instalado. Os vereadores João Zaine, Júlio Lopes e Raquel Picelli, e a diretora da Faculdade Anhanguera, Débora Aceti, também participaram da solenidade.

Mais em Esportes:

Rio Claro FC anuncia três contratações

Rio Claro FC registra dois casos de Covid-19