RC Basquete perde na prorrogação para o Paulistano por 94 a 89

68

Matheus Pezzotti

Time rio-clarense chegou a estar perdendo por 15 pontos, reagiu no último quarto, mas segue sem vencer no NBB. (Foto: Fábio Figueiredo/Divulgação)
Time rio-clarense chegou a estar perdendo por 15 pontos, reagiu no último quarto, mas segue sem vencer no NBB. (Foto: Fábio Figueiredo/Divulgação)

RC Basquete e Paulistano protagonizaram a primeira prorrogação da temporada 2014/2015 do NBB 7.

Depois de empate por 79 a 79 no tempo regulamentar, o duelo realizado na noite da última sexta-feira (14), no Ginásio Antonio Prado Junior, em São Paulo, foi para o tempo extra e os donos da casa ficaram com a vitória, pelo placar de 94 a 89.

Com as parciais 20 a 15, 23 a 21, 24 a 17, 12 a 26 e 15 a 10 no tempo extra, o ala norte-americano Holloway deixou a quadra como o cestinha, com 21 pontos. Com 18 e 16 pontos, respectivamente, o ala Pilar e o armador Dawkins também tiveram participação decisiva na segunda vitória em quatro jogos disputados pelo Paulistano no NBB 7.

Do lado dos visitantes, o pivô Lucas Tischer, com 20 pontos e sete rebotes, o armador Eric Tatu, com 19 pontos, e Brown, autor de 15, foram os atletas mais efetivos do time rio-clarense no confronto.

O RC Basquete volta a jogar na próxima quarta-feira (19), às 20h, contra o São José, em casa, no ginásio Felipe Karam, em seu quinto jogo na elite do basquete nacional, em busca da primeira vitória. Na terça (18), o Paulistano, depois de fazer seus quatro primeiros jogos em casa, agora jogará como visitante contra Bauru, às 19h30.

RESUMO DO JOGO

Na frente do placar durante praticamente toda a partida, os atuais vice-campeões do NBB chegaram para o último período com 14 pontos de vantagem (67 a 53), mas o time rio-clarense reagiu de maneira espetacular e, restando 11 segundos, arremesso de três pontos do armador norte-americano Brandon Brown, empatando o jogo. Na saída, Holloway tentou, mas errou o arremesso dos dois pontos.

Na prorrogação, o Paulistano cometeu apenas uma falta, enquanto RC cometeu cinco e os donos da casa contaram com a mão calibrada do norte-americano Holloway nos lances livres, com sete acertos em sete tentativas. RC ainda teve as saídas forçadas de Brown e do ala/armador Duda Machado, com cinco faltas cometidas cada um e, sem todo o poder de ataque, o time não conseguiu a reação para vencer.

OUTROS RESULTADOS

Nos demais jogos já disputados da quarta rodada, temos: São José 56 x 55 Palmeiras; Macaé 78 x 79 Franca e Liga Sorocabana 83 x 85 Limeira.

A matéria completa você confere na edição impressa de sábado (15), do Jornal Cidade.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: