Folhapress

A Polícia Civil prendeu na manhã desta quinta-feira (23) o procurador Demétrius Oliveira de Macedo, 34, que foi flagrado em vídeo agredindo a procuradora-geral Gabriela Samadello Monteiro de Barros, 39, em Registro, no interior de São Paulo.

O procurador foi encontrado pela polícia em uma clínica em Itapecerica da Serra.

Na quarta-feira, a Justiça determinou a prisão preventiva do procurador. A decisão atendia a um pedido da Polícia Civil. A mulher foi agredida na tarde de segunda-feira (20), em cenas que foram filmadas por funcionários e ganharam forte repercussão nas redes sociais.

Após o registro do boletim de ocorrência no 1º Distrito Policial de Registro, na segunda (20), Macedo foi liberado pela polícia.

Questionada pela reportagem, a Polícia Civil informou, em nota, que não fez o flagrante na ocasião porque não estavam presentes todas as partes envolvidas. Os policiais militares que conduziram Macedo à delegacia também não presenciaram o ato violento.

A sua assinatura é fundamental para continuarmos a oferecer informação de qualidade e credibilidade. Apoie o jornalismo do Jornal Cidade. Clique aqui.

Mais em Dia a Dia:

Pílula lançada no Reino Unido promete evitar ressaca

Vila Nova recebe serviços de tapa-buracos

Prefeitura faz limpeza e corte de mato na Av. Ulysses