A rio-clarense Jucielen Cerqueira vive a expectativa da semana mais importante de sua carreira. Na próxima sexta-feira (7) a Força-Tarefa do Boxe (BTF) do Comitê Olímpico Internacional divulgará uma versão atualizada do Sistema de Qualificação Tóquio 2020 para o boxe, confirmando os atletas que terão vaga nas Olimpíadas após o cancelamento do pré-olímpico. “Todas as 49 vagas do Pré-olímpico de boxe serão decididas pelo ranking, de acordo com o sistema de classificação para Tóquio”, afirmou a força-tarefa em nota.

Como a boxeadora atualmente é a terceira do ranking, a vaga da rio-clarense será confirmada como representante do Brasil e de Rio Claro nos Jogos Olímpicos de Tóquio.

“A ficha só vai cair quando realmente for oficial, a ansiedade é grande, mas temos que esperar e continuar trabalhando. As competições de que participei me deram uma boa bagagem e sem dúvida estou mais experiente para o que vier pela frente”, disse Juci.

Mesmo aguardando o anúncio oficial, o treinador Leonardo Macedo está confiante no desempenho da atleta e ressalta a evolução de Jucielen.

“Voltamos esta semana de uma bolha de treinamento no Rio de Janeiro e na próxima semana já iremos a São Paulo para dar prosseguimento na preparação. Mesmo com algumas indefinições nas Olimpíadas e de como tudo acontecerá, nós seguimos trabalhando com o foco total na realização dos Jogos”, disse o técnico rio-clarense.

A atleta tenta focar nos treinamentos e deixar de lado as indefinições que vieram com a pandemia.

“É complicado se preparar, treinar, se concentrar para uma competição e ela ser cancelada ou adiada. Não tem como não se frustrar, mas já viramos a chave e iniciamos os treinos em busca da próxima disputa”, disse Jucielen.

O técnico Leonardo Macedo fala da esperança em Jucielen ser tornar uma campeã olímpica.

“Nas últimas disputas e títulos que a Juci disputou e em algumas conquistas, ela enfrentou grandes adversárias e conseguiu mudar durante a luta a sua estratégia e sair vencedora. Isso é muito importante e faz toda diferença. Eu vejo totais condições dela ser campeã olímpica por todo trabalho e técnica que ela possui”, disse Macedo.

A sua assinatura é fundamental para continuarmos a oferecer informação de qualidade e credibilidade. Apoie o jornalismo do Jornal Cidade. Clique aqui.

Mais em Esportes:

Rio Claro FC visita o Oeste pela A-2

Velo Clube e São Bernardo decidem vaga pela A-2