A pandemia que atinge o Brasil e diversos países está mudando a rotina de muitas pessoas. Com as recomendações de isolamento social para conter a disseminação da Covid-19, principalmente idosos e outros grupos de risco evitam sair de casa. Em Rio Claro, as academias e clubes onde milhares de pessoas se exercitam estão fechadas, mas isso não é motivo para interromperem os exercícios. Educadores físicos estão utilizando as redes sociais com vídeos, aulas e dicas para as pessoas em quarentena.

“A atividade física é uma importante aliada ao fortalecimento do sistema imunológico, desde que feita com moderação, de acordo com as capacidades físicas e respiratórias de cada indivíduo.
Porém, a atividade intensa e exagerada pode debilitar o seu sistema imunológico, então, para manter-se saudável, aposte em uma alimentação balanceada, hidratação contínua e atividades físicas controladas.
A importância da rotina de exercícios seria não apenas para a manutenção da saúde física, mas também para a higiene mental. Uma maneira de fugir do ócio provocado pelo afastamento social momentâneo.
Os exercícios indicados para se realizar em casa são exercícios funcionais, sem a utilização de cargas extras, com intensidade moderada. Exercícios de alongamento e fortalecimento do abdômen também contribuem para a saúde da coluna e articulações”, orienta Fernanda Coli, professora do Grupo Ginástico RioClarense.

A educadora física Priscila Micotti também ressalta a importância de seguir praticando exercícios:

“Fazer atividade física nesse momento em que estamos passando é muito importante para manter nossa imunidade, desde que essa atividade seja feita de maneira responsável com orientação de um bom profissional de Educação Física. Devemos seguir fazendo exercícios pelo simples fato de que nosso corpo foi feito para se movimentar. Nosso corpo funciona como uma máquina, ele precisa de combustível (uma boa alimentação) e movimento para não ‘enferrujar’”.

Fernanda e Priscila dão dicas de quais exercícios podem ser feitos em casa.

“O tempo necessário para essas atividades varia de 15 minutos até 30 minutos ( lembrando que tudo depende do tipo de exercício realizado e do seu condicionamento físico). Vale ressaltar que devemos nos importar, por hora, com a manutenção da saúde, e não com o aprimoramento de resultados.
O exercício em casa deve respeitar a faixa etária de cada um,
sem cometer exageros”, explica Fernanda.

“Temos vários tipos de exercícios para serem feitos em casa: caminhada, nadar, hidroginástica (desde que você tenha esses espaços em casa), dança, exercícios funcionais, Pilates, Yoga, alongamento… (precisando apenas empurrar o sofá da sala para realizá-los). Hoje, nós profissionais estamos trabalhando muito via online, onde fazemos grupos de nossos alunos e cada um faz a mesma aula no mesmo horário em suas casas. Normalmente duram cerca de 30 minutos a 1 hora”, apontou Priscila.

Acompanhe as aulas das professoras do Grupo Ginástico na página do Facebook do clube. Da professora Priscila Micotti através do Instagran @primicotti