Cordeiro aprova contribuição voluntária aos bombeiros

153

Vivian Guilherme

A criação do Fundo Especial de Bombeiros foi aprovada em agosto deste ano
A criação do Fundo Especial de Bombeiros foi aprovada em agosto deste ano

Durante a última sessão da Câmara de Cordeirópolis, os vereadores aprovaram a proposta – de autoria do Poder Executivo – que cria contribuição espontânea para os serviços de bombeiros. Os valores estipulados, em lei, são de R$ 10,00 (residências), R$ 25,00 (estabelecimentos comerciais) e R$ 50,00 (imóveis industriais). E serão depositados na conta do Febom (Fundo Especial de Bombeiros), o qual foi instituído recentemente. A cobrança, conforme o projeto, será iniciada a partir de 1º de janeiro de 2015. O pagamento da taxa não é obrigatório.

Em Rio Claro, o assunto veio à pauta em junho deste ano, quando o Corpo de Bombeiros de Rio Claro pleiteou junto ao Legislativo a criação de uma lei para instituir a contribuição voluntária para fundo destinado à aquisição de equipamentos mais sofisticados para atendimento.

Na oportunidade, o capitão Daniel Scaranello falou aos vereadores e público sobre a ideia, que não era suprir os equipamentos básicos, já existentes. “Todos os equipamentos necessários para o trabalho em Rio Claro nós já temos, queremos o top de linha”. Entretanto, o assunto não avançou na Câmara. Em Limeira, onde a lei já vale, os moradores recebem guia anexa ao carnê do IPTU, no valor de R$ 10. A adesão é espontânea.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: