Foto: Divulgação Conmebol

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – A Conmebol tomou duas decisões nesta sexta-feira (17). Em reunião realizada por videoconferência com o conselho e os presidentes das confederações nacionais, a entidade decidiu que irá manter o formato das eliminatórias para a Copa do Mundo de 2022, no Qatar.

Dessa forma, a disputa pelas vagas no próximo Mundial, que a confederação sul-americana espera dar início em setembro deste ano, continuam com os confrontos de todos contra todos, em partidas de ida e volta.

A outra decisão anunciada pela Conmebol nesta sexta foi o compromisso de encerrar a Copa Libertadores e a Copa Sul-Americana dentro de campo, ou seja, dando continuidade aos torneios do ponto em que pararam até as respectivas finais.

Conforme anunciado pela entidade há um mês, a Copa América será disputada em junho e julho de 2021, reforçou a Conmebol.

Apesar da intenção de começar as eliminatórias para o Mundial em setembro, o presidente Alejandro Domínguez evitou falar em uma data para a retomada das competições que já estavam em curso.

O retorno dos torneios dependerá da evolução do combate ao coronavírus nos dez países que formam parte da Conmebol.

“A prioridade continua sendo preservar a saúde da grande família do futebol sul-americano e, portanto, devido às atuais recomendações das autoridades sanitárias internacionais e de cada um dos países das Associações Membro, não há data para a retomada das competições continentais de clubes”, disse a Conmebol, em nota.