Boxeadora de Rio Claro busca título brasileiro

91

Matheus Pezzotti

A atleta Jucielen Cerqueira, que é treinada pela equipe MM Boxe/CTP Gama, viaja neste sábado, dia 31, para Campo Grande para participar do Campeonato Brasileiro Juvenil de Boxe Feminino, primeiro nesta faixa etária na categoria, com atletas de 17 e 18 anos.

Jucielen é a atual campeã paulista e representará o Estado de São Paulo na competição nacional. Para se classificar, a rio-clarense precisou provar que é a melhor boxeadora do estado em sua categoria de peso, cujo limite é 51 quilos.

Simultaneamente ao Brasileiro Juvenil, também serão realizados o Brasileiro Feminino Elite e o Juvenil Masculino. Desta forma, o evento reunirá um grande número de boxeadores de todo o país na capital sul-mato-grossense.

Outro rio-clarense fará parte da delegação de São Paulo neste brasileiro: Breno Macedo viaja como um dos técnicos da equipe paulista. Breno é gerente de boxe do Palmeiras, equipe que classificou três boxeadores Juvenis para o nacional. Este é o sétimo ano consecutivo que técnicos de Rio Claro participam do nacional no comando da equipe paulista, reconhecidamente como uma das mais fortes do Brasil.

Os rio-clarenses buscarão outra meta: de sempre trazer uma medalha da competição nacional para a cidade.

“Desde 2008, quando participamos do nosso primeiro brasileiro, sempre trazemos no mínimo uma medalha na bagagem. Sabemos que o nível de competição é alto, com atletas de todo o país buscando o pódio, mas fazemos um bom trabalho na cidade e nossos atletas sempre conseguem bons resultados”, explica Breno Macedo.

A competição acontece de domingo (1º) até o próximo sábado (7).

Copa de Campeões

O boxeador rio-clarense Yuri Previatti faturou no último domingo, dia 25,  a disputada Copa de Campeões, realizada em São Vicente.

A cidade de Rio Claro teve três representantes na competição e todos obtiveram medalhas. Matheus Andrioli, da categoria 75 quilos, e Augusto ‘Cafu’ Pires, da categoria 64 quilos foram bronze, e Yuri Previatti foi o campeão de sua categoria.

Yuri, que atualmente faz parte do time de boxeadores do Palmeiras, precisou vencer três oponentes para chegar ao lugar mais alto do pódio na categoria 60 quilos.

Na luta de estreia, Yuri enfrentou Gustavo Santos, de Mogi das Cruzes, que no último campeonato brasileiro foi medalhista de bronze. Yuri fez um grande combate e conseguiu superar por decisão unânime o boxeador de Mogi que já havia lhe vencido em confrontos anteriores.

Na semifinal, venceu por pontos Peterson Siqueira, do Centro Olímpico de São Paulo e, na decisão pelo ouro, o rio-clarense enfrentou Wallace Moraes, da equipe Tony Boxe. Wallace tem mais de 10 anos de experiência no Boxe Olímpico e uma carreira repleta de títulos, mas essa experiência não foi o suficiente para derrotar Yuri, após nova vitória por decisão unânime dos jurados e a confirmação de ser o melhor atleta da categoria.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: