João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria (DEM), durante discurso na tribuna da Câmara Municipal de Rio Claro

Antonio Archangelo/Coluna PolítiKa

João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria (DEM), durante discurso na tribuna da Câmara Municipal de Rio Claro
João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria (DEM), durante discurso na tribuna da Câmara Municipal de Rio Claro

Considerado “projeto” do Democratas para o futuro, o nome do vereador João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria (DEM), é ventilado entre os possíveis ‘prefeituráveis’ para a próxima eleição. Sem cravar se irá ou não participar da disputa para o Executivo, o vereador prefere adotar o discurso do “continuarei trabalhando”, deixando em aberto a pergunta.

Em entrevista à Coluna, Juninho diz que “a expectativa é que estamos discutindo com um grupo, estamos sentindo apoio da população, à qual agradecemos, estou fazendo nosso trabalho”.

Para ele, a prefeitura necessita de um choque de gestão, ao comentar o que espera da cidade para os próximos anos.

>>> Precisamos romper com a polarização política que vivemos há décadas, diz Valdanha

Para ele, “os acordos políticos devem colocar, em primeiro plano, o povo de Rio Claro, e não ao contrário. Precisa-se recolocar a máquina a serviço da população que mais necessita”, concluiu de forma sucinta às indagações.

Nas eleições municipais de 2012, Juninho contabilizou 4.322 votos, sendo o vereador mais votado em Rio Claro. Exercendo o terceiro mandato como líder do Democratas.

No último pleito de 2014, também teve seu nome ventilado para disputar uma vaga na Câmara Federal, a expectativa era de uma dobradinha com o deputado estadual Aldo Demarchi (DEM), porém, sem apoio de seu partido, acabou apoiando o secretário de Estado e deputado federal candidato à reeleição, Rodrigo Garcia, liderança do Democratas no Estado de São Paulo, ao lado de seu padrinho político Aldo Demarchi.

A estratégia culminou na expressiva votação de Rodrigo Garcia na cidade, com 7.085 votos, ficando atrás, no município, em número de votos, apenas do candidato Renato Di Matteo (PSB), que registrou 19.698 votos válidos em Rio Claro.