Pontos de ônibus com mato e alagados em dias de chuva dificultam a rotina de quem depende do transporte coletivo

Adriel Arvolea

Pontos de ônibus com mato e alagados em dias de chuva dificultam a rotina de quem depende do transporte coletivo
Pontos de ônibus com mato e alagados em dias de chuva dificultam a rotina de quem depende do transporte coletivo

O Jornal Cidade tem recebido fotos de leitores que apontam para as condições dos pontos de ônibus de Rio Claro. Na Rua 3, esquina com Avenida 1, Residencial dos Bosques, o mato toma conta do espaço. Já a estrutura instalada na Avenida Francisco Matarazzo, em frente ao centro de compras, fica alagada nos dias de chuva.

Para Alex Carlos dos Santos, as condições do ponto do Residencial dos Bosques oferecem insegurança. “O problema é à noite. Uma pessoa pode se esconder no mato e atacar um passageiro. Além disso, no local, as sete lâmpadas dos postes estão queimadas. É inseguro pegar ônibus ali”, comenta Santos.

Há outros, ainda, sem coberturas. Usuários do transporte coletivo que utilizam a linha Boa Vista tem que enfrentar sol e chuva à espera do ônibus. Acontece que no ponto da Rua Jacutinga, com Avenida 68, não há cobertura. Existe apenas uma estrutura improvisada em concreto, cercada por lixo e sujeira.

A Secretaria de Obras informa que fará a limpeza para desobstruir a rede de galerias, localizada na extensão da Avenida Francisco Matarazzo, em frente ao shopping. “A medida deverá dar vazão à água da chuva que ficou empoçada em um trecho da via”, explica em nota.

Também, reforça que tem feito, gradativamente, a substituição de alguns abrigos, principalmente nos bairros mais distantes da região central. As secretarias de Obras e de Mobilidade Urbana fazem periodicamente a substituição, limpeza e manutenção dos pontos de ônibus instalados no município. O munícipe pode entrar em contato com a Secretaria de Mobilidade Urbana pelo telefone (19) 3522-1919 ou pela linha 156 da prefeitura.

O município tem, aproximadamente, 140 pontos de ônibus com cobertura. Os pontos de ônibus pertencem ao município e são fabricados pela Fábrica de Artefatos de Cimento e Usina de Asfalto (Facua). As secretarias de Obras e de Mobilidade Urbana fazem periodicamente a substituição, limpeza e manutenção desses pontos.

WhatsApp 

As fotos da matéria foram enviadas por leitores ao Jornal Cidade via WhatsApp, que disponibiliza o aplicativo de mensagens como um canal de comunicação. Basta adicionar o celular da Redação – (19) 99942-4100 para enviar denúncias e sugestões. Todas as mensagens são respondidas pela equipe do JC.

A sua assinatura é fundamental para continuarmos a oferecer informação de qualidade e credibilidade. Apoie o jornalismo do Jornal Cidade. Clique aqui.

Mais em Segurança:

Boletim policial desta sexta-feira (7)