A empresa Sustentare assume a coleta de lixo no município de Rio Claro, em caráter emergencial, nesta quarta-feira (13). A escolha foi divulgada na versão digital do Diário Oficial do Município de terça-feira (12). Segundo a publicação, assinada pelo secretário municipal interino do Meio Ambiente, Leandro Geniselli, o contrato emergencial com a Sustentare terá inicialmente duração de três meses, no valor aproximado de R$ 2,2 milhões, com possibilidade de prorrogação por mais três, para serviços de coleta domiciliar e manutenção do município. O contrato pode deixar de vigorar se, neste período, for finalizada a licitação que vai definir a contratação de uma empresa responsável pelo setor. A Sustentare também tem contrato com a prefeitura, feito através de licitação, para operação do aterro do município.

De acordo com o secretário de Meio Ambiente, foi realizada uma transição tranquila, com a colaboração das duas empresas (Alabama e Sustentare), o que resultará num bom atendimento à população. Se houver alguma falha pontual na coleta, o cidadão deve ligar para 3522-1900 e falar no Departamento de Resíduos Sólidos.

Esta é a terceira contratação seguida nesta modalidade para a prestação do serviço pela Secretaria do Meio Ambiente. Na sexta-feira (8), o novo titular interino da pasta, Leandro Geniselli, publicou no Diário Oficial do Município um aviso de suspensão da licitação que ocorreria na terça-feira (12) para a contratação de uma nova empresa, a longo prazo, para fazer a coleta de resíduos sólidos.