Folhapress/ Rogério Pagnan

O comerciante Paulo Cupertino Matias, suspeito de matar o ator Rafael Miguel e os pais do jovem, em junho de 2019, na zona sul da capital paulista, foi preso nesta segunda-feira (16) por policiais do 98º DP. Ele estava escondido em hotel na região onde cometeu o crime e foi preso.

Cupertino está sendo levado ao DHPP (Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa).

O suspeito estava foragido desde então e chegou a mudar de nome para Manoel Machado da Silva para tentar fugir da polícia. Ele passou por cidades do interior paulista e até do Mato Grosso, onde trabalhou como cuidador de gado em uma fazenda.

A polícia vai divulgar mais informações em breve.

A sua assinatura é fundamental para continuarmos a oferecer informação de qualidade e credibilidade. Apoie o jornalismo do Jornal Cidade. Clique aqui.

Mais em Dia a Dia:

Pílula lançada no Reino Unido promete evitar ressaca

Vila Nova recebe serviços de tapa-buracos

Prefeitura faz limpeza e corte de mato na Av. Ulysses