Rio Claro tem 907 casos confirmados de dengue em 2020. A informação foi divulgada na sexta-feira (5) pelo setor de Vigilância Epidemiológica do município.

“O poder público vem realizando ações preventivas em toda a cidade e a colaboração da comunidade é fundamental para que o município tenha resultado positivo no combate à dengue”, destaca Maurício Monteiro, secretário de Saúde.

Entre as ações estão nebulizações, visitas casa a casa e vistorias em pontos estratégicos e imóveis especiais. O trabalho é feito por equipes do Centro de Controle de Zoonoses, que percorrem os bairros e orientam a comunidade sobre a importância de se eliminar os criadouros do Aedes aegypti, que, além da dengue, transmite zika vírus, chikungunya e febre amarela.

“Cada um deve fazer a sua parte e cuidar para que não haja água acumulada em recipientes, já que o mosquito se reproduz nestes locais”, observa Diego Reis, responsável pelo CCZ, acrescentando que a grande maioria dos criadouros do mosquito tem sido encontrada nos imóveis habitados.