Rio-clarense que morreu em acidente tem órgãos doados

6426

Aconteceu na noite desta segunda-feira (22) na Santa Casa de São Carlos, a cirurgia para a captação de órgãos do jovem rio-clarense Raphael Masson, 23 anos, que morreu em um acidente automobilístico na Rodovia Engenheiro Thales de Lorena Peixoto Júnior (SP-318).

Ele teve a morte cerebral confirmada na manhã de segunda-feira (22), um dia após o acidente e a família optou pela doação de órgãos. Foram captados fígado, pâncreas, córneas, coração, pulmão e rins.

O jovem será velado e sepultado no Cemitério das Palmeiras em Rio Claro. Em contato na manhã desta terça (23), ainda não há previsão de chegada do corpo.

Como aconteceu 

O jovem rio-clarense não resistiu aos ferimentos após sofrer um acidente de carro, no início da manhã de domingo (21), na Rodovia Engenheiro Thales de Lorena Peixoto Junior (SP-318), que liga São Carlos a Ribeirão Preto. No veículo, além de Raphael, estavam mais três ocupantes que tiveram ferimentos leves. De acordo com a Polícia Rodoviária, o motorista perdeu o controle da direção e colidiu contra um barranco no km 273.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: