Prefeitura vai investir R$ 806,5 mil em obras e melhorias no Lago Azul

    636

    A prefeitura de Rio Claro iniciará em breve as obras que vão promover uma série de melhorias no Lago Azul. A administração municipal vai reformar duas quadras poliesportivas, construir uma nova quadra para futebol society e revitalizar a orla do lago. Os serviços terão investimentos de R$ 806.581,84, sendo R$ 668.571,42 de emendas parlamentares e R$ 138.010,42 de contrapartida do município. “São investimentos importantes que estamos fazendo no Lago Azul que passará a oferecer mais opções de lazer e esporte à população”, comenta o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria.

    São três projetos em andamento. Na reforma e melhorias das quadras esportivas do Lago Azul serão investidos R$ 231.387,85, sendo R$ 222.857,14 de emenda parlamentar e contrapartida de R$ 8.530,71. Os recursos foram destinados ao município pelo deputado federal Fausto Pinato atendendo solicitação do vereador Adriano La Torre.

    A prefeitura também fará revitalização da orla do lago com investimento de R$ 276.851,74, oriundo de emenda parlamentar do deputado federal Nelson Marquezelli, por intermédio do vereador Hernani Leonhardt. Desse montante, R$ 222.857,14 são de repasse federal e R$ 53.994,60 de contrapartida da prefeitura.

    O Lago Azul também ganhará uma quadra de futebol society. Para realizar a obra a prefeitura vai investir R$ 298.342,25, dos quais R$ 222.857,14 são de emenda e R$ 75.485,11 de contrapartida. A emenda é de autoria do deputado federal Arnaldo Faria de Sá a pedido do vereador Ruggero Seron. “As obras já foram licitadas e a prefeitura finaliza os procedimentos legais para início dos trabalhos”, informa Ricardo Gobbi e Silva, secretário municipal de Governo, Desenvolvimento Econômico e Planejamento.

    Vale lembrar que essas melhorias somente estão sendo possíveis porque a prefeitura conseguiu regularizar o terreno do Lago Azul, obtendo a escritura da área por meio de ação judicial de usucapião. Depois de décadas em condição irregular, o Centro Cultural “Roberto Palmari” e toda a área do Lago Azul agora pertence legalmente ao município.

    Qual sua opinião? Deixe um comentário: