O município de Rio Claro registrou no mês de outubro o menor número de mortes ocasionadas pela Covid-19 na pandemia este ano. Foram quatro vidas perdidas para a doença no mês que se encerrou no domingo (31). A cidade segue tendência do País, isto porque estudo divulgado pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), na segunda-feira (1º), aponta que o Brasil registra a menor média móvel de óbitos desde abril do ano passado.

Em termos de comparação, em Rio Claro, a última vez que o menor número de mortes foi notificado ocorreu em novembro de 2020. Naquele mês foram confirmados três óbitos, um a menos que em outubro de 2021. Em setembro a cidade já havia registrado poucas mortes em comparação com os meses anteriores, com nove vidas perdidas.

Os dados ao longo da pandemia mostram que ao longo deste ano, após o pico da segunda onda no mês de março com 94 óbitos, as mortes foram diminuindo. Os dirigentes da Fundação Municipal da Saúde apontam que a redução considerável mostra a eficácia da vacinação contra a Covid-19. Rio Claro já aplicou mais de 325 mil doses do imunizante.

Mais de 166 mil pessoas já estão com a 1ª dose, outras 138 mil já receberam a segunda dose. Pouco mais de 4,8 mil tiveram a dose única aplicada. Já mais de 16 mil pessoas já receberam, também, a dose adicional. Percentualmente, 81,62% da população rio-clarense recebeu ao menos uma dose da vacina contra a Covid.

Até o momento, Rio Claro tem 580 vidas perdidas para a pandemia. Não há registros de óbitos desde o último dia 19 de outubro, de acordo com o levantamento através dos boletins epidemiológicos divulgados pela Prefeitura.

A sua assinatura é fundamental para continuarmos a oferecer informação de qualidade e credibilidade. Apoie o jornalismo do Jornal Cidade. Clique aqui.

Mais em Dia a Dia: