Saúde: orçamento aumenta em R$ 10 milhões

78

Favari Filho

Pouco mais de R$ 10.000.000,00. Seguindo a série de matérias sobre o Projeto de Lei Orçamentária Anual da prefeitura da Cidade Azul, desta vez o Jornal Cidade traz matéria sobre a previsão para a Fundação Municipal de Saúde no ano de 2016. São R$ 154.417.340,00 que o município deve investir na área, tanto na manutenção quanto na expansão dos serviços. Para o ano de 2015, a previsão foi orçada em R$ 144.104.008,00.

Nos anos de 2014, 2013 e 2012 o montante oscilou entre R$ 139.326.000,00, R$ 122.880.085,00 e R$ 108.612.270,00, respectivamente. Comparando as previsões dos anos de 2012 e 2016, o aumento na expectativa é de 42%. De acordo com a assessoria de imprensa da administração, do orçamento global do município, 25% estão sendo empregados na área da Saúde, percentual muito maior que o exigido pela Constituição Federal, que é de 15%.

De acordo com assessoria, a administração pública tem a Saúde como prioridades e desde 2009 vem implantando melhorias
De acordo com assessoria, a administração pública tem a Saúde como prioridades e desde 2009 vem implantando melhorias

INVESTIMENTOS

Apenas em 2015 já foram investidos 24,64% em recursos, o que representa mais de R$ 60 milhões, entretanto grande parte do orçamento da Saúde é utilizada para cobrir a folha de pagamento. A administração municipal, de acordo com a assessoria, elegeu a área de Saúde como uma de suas prioridades e desde 2009 implantou um planejamento de melhorias e extensão de serviços divididos em duas frentes.

As primeiras ações focaram nas urgências e emergências, com a implantação do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e UPA (Unidade de Pronto-Atendimento). Além disso, foram executadas obras de ampliação do PA Cervezão que, ainda de acordo com a assessoria, deve ser transformada em mais uma UPA.

A segunda frente de serviços investiu na prevenção à doença, ou seja, na Atenção Básica e, para que o serviço virasse realidade, as unidades de saúde foram ampliadas e reformadas, as equipes do Programa de Saúde da Família aumentadas e houve a contratação de mais médicos e agentes de saúde para as novas unidades que estão programadas.

MELHORIAS

Na parte de exames, além do laboratório do PA do Cervezão, a assessoria informou que foi inaugurado mais um laboratório municipal, localizado na Rua 10 com a Avenida 19 e Via da Saudade, além de, nos últimos anos, a Fundação ter colocado em funcionamento cinco equipamentos de raio-x.

Já no setor de especialidades, o Cead (Centro de Especialidades e Diagnóstico) foi transferido para um prédio com condições de acolhimento e atendimento dos pacientes, ampliando o quadro de médicos, totalizando atualmente trinta e sete profissionais. Também reestruturou o Sepa (Serviço Especializado de Prevenção e Assistência). No Programa de Saúde Mental, Rio Claro se tornou referência para mais de vinte municípios da Regional de Piracicaba, com a implantação de vários serviços de atendimento.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: