Com previsão de entrega para 2015, os trabalhos de revitalização da Avenida 7 seguem paralisados. Inicialmente, seriam investidos R$ 2,2 milhões

Adriel Arvolea

Com previsão de entrega para 2015, os trabalhos de revitalização da Avenida 7 seguem paralisados. Inicialmente, seriam investidos R$ 2,2 milhões
Com previsão de entrega para 2015, os trabalhos de revitalização da Avenida 7 seguem paralisados. Inicialmente, seriam investidos R$ 2,2 milhões

Depois da reestruturação viária com a abertura das novas pistas onde foi aterrado o antigo pontilhão da Avenida 7, com a Rua 1, a Prefeitura de Rio Claro realiza reformulação da área que vai da Avenida 7 até a antiga estação ferroviária, com a implantação de novos equipamentos públicos e renovação paisagística.

O projeto foi anunciado em 2012 com as obras do projeto urbanístico, mas teve início em junho de 2014. Com previsão de entrega para 2015, os trabalhos seguem paralisados. Inicialmente, foram anunciados R$ 2,2 milhões em investimentos. Planeja-se a construção da Praça do Pergolado, Arena Jovem (teatro aberto), a Praça do Ferroviário, uma academia ao ar livre e o Café Estação.

No momento, a administração municipal está fazendo a reprogramação da obra, com atualização da planilha de custos para enviar à Caixa Federal, já que esse investimento está sendo feito com recursos federais. “Depois disso, nova licitação será aberta pela Prefeitura de Rio Claro para a realização da segunda etapa da revitalização do Centro Histórico de Rio Claro”, comenta em nota. Isso será necessário, uma vez que a empresa vencedora da concorrência pública para realizar o serviço não apresentou condições de executar a obra e, por isso, o contrato foi rescindido.

Também, a Prefeitura reforça que tem feito todo o esforço para manter o nome limpo, assegurando sua certidão negativa de débito, documento necessário para receber recursos financeiros para as obras e programas. “São estes recursos que têm permitido o desenvolvimento do município. A queda da arrecadação compromete a receita da Prefeitura, limitando-se, basicamente, às contrapartidas para os projetos conseguidos fora de Rio Claro”, conclui.

A sua assinatura é fundamental para continuarmos a oferecer informação de qualidade e credibilidade. Apoie o jornalismo do Jornal Cidade. Clique aqui.

Mais em Dia a Dia:

Rio Claro registra 378 novos casos de Covid

Barulho “inferniza” moradores de vários bairros de RC