Mobilização de jovens pede abertura do Gabinete

100

Lucas Calore

Com as bibliotecas municipais fechadas aos sábados desde julho de 2015 por contenção de gastos, estudantes fazem mobilização para reabertura dos espaços públicos
Com as bibliotecas municipais fechadas aos sábados desde julho de 2015 por contenção de gastos, estudantes fazem mobilização para reabertura dos espaços públicos

O direito de ter acesso à cultura e educação em Rio Claro foi um dos motivos que levaram alunos da Escola Estadual ‘Marciano de Toledo Piza’ a organizar uma mobilização na manhã de quinta-feira (1º) na cidade.

Os jovens, munidos de cartazes, foram ao Paço Municipal para reivindicar a reabertura do Gabinete de Leitura aos sábados e protocolaram um ofício à Prefeitura. A ação foi planejada pelos próprios estudantes junto com a professora Loni Lara Viegas, que elabora projetos de protagonismo social e juventude.

Lucas Viglio, que também trabalha com os alunos, vê a atitude com positividade. “Grande importância para que os estudantes tenham consciência do papel como cidadão e de atos democráticos em prol de direitos”, relata.

Uma geladeira em desuso foi reformada pelos alunos para servir como estante de livros. O objeto foi doado ao Gabinete de Leitura.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: