SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – O cantor Leonardo usou as redes sociais nesta sexta-feira (5) para lamentar a morte do assessor Milton Rodrigues, conhecido como Passim. As investigações da polícia apontam que ele morreu na quinta (4) após ser atingido acidentalmente por tiros na fazenda do sertanejo, na cidade de Jussara, no interior de Goiás.


Leonardo publicou uma foto no Instagram com Passim sentado no seu colo acompanhado e escreveu que perdeu o primo-irmão, companheiro de todas as horas e a segunda voz dele da vida.


“O cara mais adorado e amado que conheço, estamos sem chão, uma dor que pensava nunca mais sentir na vida. Deus meu Pai, nos ajude a aceitar seu propósito e abençoe nossa família e amigos, a esposa Vania e os filhos Hugo e Igor que ele tanto amava, os irmãos, ajude todos que não estão conseguindo acreditar nessa terrível tragédia”, escreveu o cantor.


O cantor Zezé Di Camargo comentou a foto dizendo que conviveu muito com Passim e que ele era um cara acima da média. “Toda vez que ele me encontrava me falava: tem piada nova ‘campanheiro?’ Isso ‘campanheiro’. Com A mesmo! Adorava piada de bêbado. Ao meu irmão Leonardo e toda a família o meu sentimento e oração para que Deus conforte e dê força a todos”, publicou Zezé.


Duplas sertanejas, o humorista Tom Cavalcante e o ator Eri Johnson também comentaram a publicação feita por Leonardo. “Nossos sentimentos. Que Deus conforte o coração de todos”, escreveu a dupla Gilberto e Gilmar.
Procurada pelo reportagem, a assessoria do cantor disse que a morte foi acidental. Passim trabalhava no ramo musical havia 30 anos. Na rede social, ele tinha várias fotos ao lado de Leonardo. O sertanejo estava na fazenda no momento do acidente.


O cantor Zé Felipe, filho de Leonardo, publicou no Instagram um vídeo antigo ao lado do assessor, em que eles estão conversando e rindo. “Ó Passim, faz um favor para mim, você não morre nunca, porque se você morrer, eu desenterro você e ponho em pé de novo”, diz. Na legenda, o cantor escreveu: “Não dá para acreditar.”