Diretor do Sintect-CAS usou um carro de som para conversar com os trabalhadores locais em frente à agência central dos Correios nessa quarta-feira (5)

Ednéia Silva

 

Diretor do Sintect-CAS usou um carro de som para conversar com os trabalhadores locais em frente à agência central dos Correios nessa quarta-feira (5)
Diretor do Sintect-CAS usou um carro de som para conversar com os trabalhadores locais em frente à agência central dos Correios nessa quarta-feira (5)

 

O Sintect-CAS (Sindicato dos Trabalhadores na Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos e Similares de Campinas e Região) realizou ato público em Rio Claro nessa quarta-feira (5) para explicar aos trabalhadores e à comunidade os motivos da greve da categoria, iniciada no último dia 30.

 

Leia matéria completa na edição desta quinta-feira, dia 6, ou acesse a edição digital

A sua assinatura é fundamental para continuarmos a oferecer informação de qualidade e credibilidade. Apoie o jornalismo do Jornal Cidade. Clique aqui.

Mais em Dia a Dia:

Pharoah Sanders, saxofonista e lenda do jazz, morre aos 81 anos

Cresce número de crianças registradas por mães solo

JC nas Eleições debate dificuldade para Rio Claro eleger deputados