Rubro-Verde terminou a série A-2 deste ano na sétima colocação, com 28 pontos somados

Matheus Pezzotti

Rubro-Verde terminou a série A-2 deste ano na sétima colocação, com 28 pontos somados
Rubro-Verde terminou a série A-2 deste ano na sétima colocação, com 28 pontos somados

Três semanas após a apresentação da nova parceria, o novo diretor de futebol do Velo Clube, Homero de Carvalho Santarelli, atendeu à reportagem do JC para falar a respeito do planejamento para a série A-2 de 2015, reformas e ampliação do estádio Benitão.

“Está indo como o planejado. Assumimos no dia 1º, tive a infelicidade de perder minha mãe naquela semana, voltamos na seguinte e, a princípio, o que estava pré-estipulado está acontecendo, reformando os vestiários, que devem ficar prontos até a próxima semana e, com isso, poderemos dar andamento ao nosso planejamento, que é o próximo passo, quem sabe, divulgar, no começo de outubro, a nova comissão técnica”, afirma.

Dito pelo presidente Adalberto Irineu Borges no Caldeirão do Velo no início de setembro, que teria o poder de veto em relação a treinadores, Santarelli diz o oposto.

“Quero deixar claro que no contrato feito, o departamento de futebol vai ser gerido por nós, pela empresa HSports, por mim e pelo Haroldo Carlos Amorim, sem ingerência alguma da diretoria. É claro que, como presidente e torcedor, a gente o respeita, assim como à diretoria, mas não vamos sequer consultá-lo no que diz respeito a coisas do futebol e os erros e acertos vão fazer parte da nossa gestão”, ressalta.

Com a total rejeição da diretoria por Evaristo Piza e as contratações de Paulo Roberto pelo São Bento e Luiz Carlos Martins com o São Caetano, o novo diretor de futebol comentou sobre o perfil do treinador que procura e que há cinco nomes em conversação.

“Buscamos um treinador que conheça a divisão. Sabemos da dificuldade do campeonato, da força dos adversários, mas vamos tentar fazer uma equipe competitiva para que possamos fazer uma boa competição e esperamos ter a maior convicção possível para o nome do treinador. A nossa intenção é para que a apresentação seja na primeira semana de outubro. Estamos conversando, há cinco nomes, com sondagens de parte financeira e explicando a nossa filosofia”, diz.

De acordo com o novo gestor, está praticamente acertado o início dos estaduais em fevereiro e, com isso, todo o planejamento é elaborado por conta do novo calendário.

“Estamos um pouco atrasados, porque o Velo não disputou o Sub-20 e a Copa Paulista. Hoje há quatro jogadores do clube emprestados (Leleco, Tiago Bernardi, Marquinhos e Paulinho) e não sabemos o que vai acontecer com eles. Baseado nisso, planejamos no mês de outubro, desde que já tenhamos a comissão técnica formada, começar um trabalho buscando atletas que eventualmente estão sem clube. Até posso trazer alguns atletas contratados, mas a grande maioria ou ainda estará disputando alguma divisão do Brasileiro, a Copa Paulista ou segunda divisão de outros estados, além das férias. Pretendemos trabalhar com cerca de 30 atletas e em dezembro estar com até 90% do elenco formado e complementar em janeiro”, diz.

A diretoria do Rubro-Verde já começou a reformar os vestiários, a lavanderia e a academia, além de fazer uma sala de imprensa, onde ficarão na Rua 2, deixando toda a parte administrativa na Rua 3, ação que o presidente faz questão de ressaltar que não há ajuda da prefeitura. A ampliação do estádio será feita para três mil lugares com arquibancada que será construída atrás do gol da Avenida 19 (Santa Casa).

A Federação Paulista de Futebol (FPF) exige a construção das tribunas para as diretorias e cabines para a imprensa e, diante disso, a diretoria resolveu ampliar a obra com os camarotes o que, ainda de acordo com o mandatário, deverá começar até 1º de novembro.

“Sobre a ampliação, existe um projeto aprovado na FPF desde o final de 2013, projetado para 2016. Um compromisso da prefeitura para entrega de mais três mil lugares até 2016. O que eu sei é que existe esse compromisso das novas tribunas e novas cabines para o próximo campeonato e os três mil lugares para 2016, e acho que, cumprindo o que foi estabelecido, não deverá haver problemas”, finaliza Santarelli.

A sua assinatura é fundamental para continuarmos a oferecer informação de qualidade e credibilidade. Apoie o jornalismo do Jornal Cidade. Clique aqui.

Mais em Esportes:

Boletim policial desta sexta-feira(27)

Boletim policial desta terça-feira(24)