Fim de semana com passeio de Bike

110

Favari Filho

Leitora enviou fotos das atividades que desenvolveu junto dos amigos e falou da importância dos exercícios
Leitora enviou fotos das atividades que desenvolveu junto dos amigos e falou da importância dos exercícios

Na semana passada, o JC convidou os internautas por meio de postagem na rede social para comentar o que fariam durante o fim de semana prolongado em função do feriado de Corpus Christi. A ideia era fazer com que as pessoas comentassem na própria postagem ou mandassem fotos para o WhatsApp do jornal no número 99942-4100.

Foi o que fez a leitora Kenia Lira Sciascio que, durante os dias de folga, aproveitou para intensificar ainda mais a atividade física – prática que, segundo a entrevistada, faz parte de sua vida há alguns longos anos e é uma grande paixão.

A médica, que atua no setor da Saúde da Família do SUS [Sistema Único de Saúde], contou à reportagem que na última quinta-feira (26) pedalou com sua bicicleta 45 quilômetros acompanhada de mais de cem pessoas até o município de Ipeúna; na sexta-feira (27), correu 10 quilômetros em volta do Aeroclube de Rio Claro; e, no sábado (28), pedalou outros 35 quilômetros na Floresta Estadual Edmundo Navarro de Andrade [Feena]. Haja fôlego! No entanto, isso não foi tudo, no domingo (29), não obstante todo o trajeto descrito, novamente correu 18 quilômetros com amigos no antigo Horto Florestal.

“Sou movida a esportes”, sentenciou a atleta que disse ter mandado as fotos porque achou a proposta do JC – que visa trazer o leitor para mais próximo do jornal e vice-versa em uma constante convergência de mídias – muito interessante. A esportista revelou também que realiza as corridas duas vezes por semana com um grupo de pessoas e mais duas vezes sozinha, além de andar de bike outras duas vezes por semana. Ou seja, durante seis dias, o exercício físico está presente na vida de Kenia.

O que a motivou a praticar esporte foram os seus pacientes e também a busca por uma vida saudável; a correr começou há oito anos e a pedalar há três meses, contou. “Eu sou médica e me cansei de ver pacientes descompensados e não seguindo minhas recomendações, então resolvi servir de exemplo”, completou sublinhando que a atividade física é um bem maior. “Para mim, é a fonte da juventude; é por meio dela que me realizo, que me sinto viva e que permaneço jovem”, concluiu.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: