Escola Joaquim R. da Rocha foi a mais bem avaliada no município pelo segundo ano

Os dados foram divulgados no dia 16 de setembro pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais “Anísio Teixeira”, do Ministério da Educação. O Ideb é utilizado para avaliar a qualidade da educação no Brasil.

O Ensino Fundamental 1 (1°ao 5° ano) da rede pública de educação de Santa Gertrudes obteve a nota média de 6,3 – resultado que coloca o município acima da média nacional que é de 5,8.

Já o Ensino Fundamental II (6° ao 9°) obteve a nota de 5,8, também acima da média que foi de 5,1.

O indicador é calculado a partir dos dados sobre aprovação, obtidos no Censo Escolar, e dos resultados do Saeb (Sistema Nacional de Avaliação da Educação Básica).

Para o prefeito Gino, algumas ações contribuíram para este resultado. “Investimos em material didático, aprimorando a qualidade do ensino e a aprendizagem dos alunos. A boa pontuação no Ideb foi consequência deste trabalho. Além disso, Santa Gertrudes foi um dos primeiros municípios a retomarem as aulas de forma presencial e este ano a rede pública já conta com programa para recuperação da aprendizagem em decorrência da pandemia.”

O IDEB

O Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) foi criado em 2007 e reúne, em um só indicador, os resultados de dois conceitos igualmente importantes para a qualidade da educação: o fluxo escolar e as médias de desempenho nas avaliações. O Ideb é calculado a partir dos dados sobre aprovação escolar, obtidos no Censo Escolar, e das médias de desempenho no Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb).

A sua assinatura é fundamental para continuarmos a oferecer informação de qualidade e credibilidade. Apoie o jornalismo do Jornal Cidade. Clique aqui.

Mais em Dia a Dia:

Aos 26 anos, jovem sai de RC e promove eventos no Canadá

Pontos de alagamento são registrados após chuva em Rio Claro