Duas escolas de Rio Claro terão ciclo único no ano letivo de 2016

212

Ednéia Silva

A reorganização na rede estadual de ensino que está sendo feita pela Secretaria de Estado da Educação vai afetar duas escolas de Rio Claro: E.E. Prof. Délcio Báccaro, localizada no Jardim Inocoop, e E.E. Prof. João Negrão Filho, que fica no Jardim Guanabara II. Essas duas escolas passarão a ter ciclo único em 2016.

De acordo com a secretaria, no ano letivo de 2016 a Escola Délcio Báccaro irá oferecer apenas a modalidade Ensino Médio (1ª a 3ª série). Hoje, a escola oferece duas modalidades: ensino médio e ensino fundamental ciclo II (6º ao 9º ano). Já a Escola João Batista Negrão Filho terá apenas ensino fundamental (6º ao 9º ano), o ensino médio será abolido.

A assessoria de imprensa da pasta informou que os alunos e professores não serão necessariamente, transferidos entre as duas escolas. De acordo com o órgão, o processo de reorganização não prevê essa regra. Portanto, estudantes e docentes podem ser transferidos para outras unidades de ensino, já que a transferência depende de outros fatores, como número máximo de alunos por sala.

Fachada da Escola Estadual Prof. João Negrão Filho, localizada no Jardim Guanabara II, que irá oferecer apenas ensino fundamental no ano letivo de 2016
Fachada da Escola Estadual Prof. João Negrão Filho, localizada no Jardim Guanabara II, que irá oferecer apenas ensino fundamental no ano letivo de 2016

A assessoria explica que o destino dos filhos será informado aos pais no dia 14 de novembro, chamado de “Dia E”, quando será realizada reunião nas escolas entre pais, alunos, professores e diretoria escolar para discutir o assunto. A secretaria ressalta a importância de participação dos pais para que possam obter informações e esclarecer dúvidas. Sobre a transferência dos alunos para as novas escolas, a assessoria afirma que o processo será realizado pelas escolas.

Depois do dia 14 de novembro será aberto um período para pedidos de transferência. Por exemplo, pais que precisam que os filhos estudem perto do trabalho, mas o aluno foi realocado em uma unidade distante do local, e situações similares.

“A reorganização da rede criou 754 escolas de ciclo único focadas em uma única faixa etária. Assim, 2.197 escolas em todo o Estado (43% do total) passarão a funcionar neste modelo, a partir de 2016. Serão abertas 2.956 classes, hoje ociosas, e haverá uma diminuição de 18% de escolas de dois segmentos, passando de 3.209 para 2.635”, explica a secretaria.

Ainda segundo a pasta, nem todas as unidades de ensino passarão pela reorganização. “As escolas com mais de um ciclo ainda funcionarão, devido às diferenças demográficas e às necessidades por escolas para diversas faixas etárias em algumas regiões”, esclarece. É o caso da Escola Prof. Oscar de Almeida, no Distrito de Assistência, que seria fechada mas, diante do protesto dos pais, foi retirada da lista da reorganização.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: