O advogado Djair Clauido Francisco confirmou na tarde desta sexta-feira (8), à reportagem do Jornal Cidade, que foi exonerado da presidência da Fundação Municipal de Saúde.

O então secretário de saúde estava a frente do setor desde o início da gestão do prefeito João Teixeira Junior (DEM) e afirmou ao JC que o governo não apresentou um motivo efetivo para a sua saída. A Prefeitura ainda não apresentou nenhum nome substituto ao cargo e segundo informações alguns médicos do município estão sendo consultados.

Ao JC, Djair faz uma avaliação. “Embora esteja sendo exonerado, minha gestão foi muito séria e responsável, sobretudo com o dinheiro público e gestão da Fundação. Peguei uma secretaria esfacelada. Foi uma gestão coesa com as condições que tive. Tivemos problemas mas muito mais coisas boas, muitos avanços, saio de cabeça erguida”, declarou.

A reportagem completa sobre este assunto você confere na edição impressa do JC neste sábado (9).