Dengue: região soma quase 3 mil casos da doença

88

Vivian Guilherme

A Vigilância tem aplicado notificações e multas em locais por terem criadouros do mosquito
A Vigilância tem aplicado notificações e multas em locais por terem criadouros do mosquito

Novo mapa da dengue mostra que 340 municípios brasileiros estão em situação de risco para a ocorrência de epidemias e 877 estão em alerta. As informações são do Levantamento Rápido de Índices para Aedes aegypti (LIRAa), divulgado nessa quinta-feira (12) pelo ministro da Saúde, Arthur Chioro. No total, 1.844 municípios brasileiros realizaram o levantamento, entre janeiro e fevereiro deste ano, um aumento de 26,38% em relação aos participantes de 2014. No ano passado, 1.459 municípios fizeram a pesquisa no mesmo período do ano.

De acordo com os números divulgados pelo Levantamento, Itirapina apresenta 159 casos, Cordeirópolis – 78, Santa Gertrudes – 38 e Corumbataí – 34. Analândia e Rio Claro não estão inclusas no levantamento do Ministério da Saúde, mas segundo números divulgados pelas prefeituras, somam – respectivamente – 10 e 2.331 casos confirmados da doença.

ITIRAPINA
No próximo dia 21, a Prefeitura de Itirapina fará um grande arrastão de limpeza na cidade, nos bairros, nos terrenos e nas residências, visando encontrar prováveis criadouros dos mosquitos, instalados em tampas de garrafas, folhas, recipientes em geral, piscinas e, em qualquer lugar que a água possa ficar parada para o nascimento do mosquito da dengue.

O prefeito de Itirapina, José Maria Candido, orienta para que todas as pessoas que desejarem participar como voluntários no trabalho devem procurar as unidades de saúde para darem os nomes e ajudar, pois ‘se trata de assunto de interesse público e acabar com o mosquito e seus criadouros pode livrar a própria pessoa, seus filhos e familiares dessa doença’.

ANALÂNDIA
Segundo informações da assessoria de Analândia, o município tem 28 notificações de casos de dengue. Ao todo, são 10 casos positivos, cinco casos negativos e 13 aguardando resultados. “A prefeitura está intensificando as ações casa a casa nos bairros”, destaca a assessoria que lembra que termina nesta sexta-feira (13), a operação ‘Cata Treco’, que é um mutirão que percorreu todos os bairros da cidade.

CORDEIRÓPOLIS
A Secretaria de Saúde, por meio do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) de Cordeirópolis, divulgou nesta semana o balanço com a quantidade de materiais recolhidos pelos seus caminhões no último dia 28, durante a operação ‘Cata Treco’. Na ocasião foram recolhidos materiais no bairro do Jardim Cordeiro, Jardim Eldorado e Jardim Florença. Ao todo, foram recolhidas aproximadamente 7,5 toneladas de materiais não servíveis.  Nos próximos dias o projeto ‘Cata Treco’ segue: dia 21 no Jd. Bela Vista, V. São José I e II; dia 28 no Jd. Progresso, São Francisco e Jd. Lise.

RIO CLARO
Com uma média de 300 atendimentos por dia, a unidade de campanha ou “hospital da dengue” está localizada na Avenida 26 com a Rua Samambaia e funciona de domingo a domingo, das 7 às 17 horas. Esta é uma das ações desenvolvidas pela prefeitura para auxiliar no enfrentamento à doença.

generateImage

1 COMENTÁRIO

  1. Os números de Rio Claro estão errados mesmo, no meu bairro – Jardim Mirassol tem pelos 3(da minha casa)fora os vizinhos e o bairro nem consta da lista….

Qual sua opinião? Deixe um comentário: