Uma represa de médio porte rompeu na tarde deste domingo (20) na cidade de Analândia. O nível do rio subiu consideravelmente e a água está turva (suja).

A Defesa Civil de Rio Claro está monitorando o rio Corumbataí desde o Distrito de Ferraz e equipes do Daae também estão monitorando em relação a captação da água.

O rompimento aumentou consideravelmente o nível do rio Corumbataí, o que pode resultar também no aumento da turbidez deste manancial e com isso, comprometer a captação, tratamento e abastecimento de água que é feito pela Estação de Tratamento de Água (ETA 2), responsável por 60% do abastecimento em Rio Claro.

“Assim que recebemos a informação, imediatamente intensificamos o monitoramento do rio e da área de captação de água bruta, juntamente com a Defesa Civil de Rio Claro e de Analândia.

Caso a situação mude, informaremos a população”, comenta o superintendente do Daae, Osmar Junior.

O Daae informa ainda que a água do rio Corumbataí segue em condições de tratamento, mas caso a qualidade deste manancial sofra alterações por conta do rompimento dessa represa em Analândia, medidas serão tomadas para manter a qualidade da água.

A sua assinatura é fundamental para continuarmos a oferecer informação de qualidade e credibilidade. Apoie o jornalismo do Jornal Cidade. Clique aqui.

Mais em Dia a Dia:

Quina de São João teve 11 ganhadores; confira os números

Nova edição da JC Magazine chega aos leitores