Cobranças abusivas de material escolar geram queixas

58

Da Redação

As tradicionais listas de material escolar geralmente dão dor de cabeça nos pais dos alunos. Ano a ano o valor de alguns itens aumenta e assim compromete o orçamento familiar. Escolas que solicitam materiais de uso social como papel higiênico ou copos plásticos também geram queixas por parte dos pais.

O superintendente do Procon Rio Claro, Sergio Santoro, esteve na manhã de quarta-feira (25) na Rádio Excelsior Jovem Pan e foi entrevistado no Jornal da Manhã para falar deste e outros assuntos. Para conferir o áudio na íntegra, basta clicar no player abaixo.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: