Castramóvel segue sem previsão para funcionar

304

A Prefeitura de Rio Claro ainda não tem uma previsão para o início do funcionamento do castramóvel no município. O veículo especial adaptado para operar como um consultório veterinário foi entregue à administração municipal em dezembro do ano passado após articulação de uma emenda parlamentar pela vereadora Maria do Carmo Guilherme (MDB) junto ao deputado Ricardo Izar (PP). Desde então, vereadores, ONGs de proteção animal e demais representantes do setor cobram o início dos trabalhos.

Na sessão ordinária da Câmara Municipal na semana passada, os vereadores aprovaram um requerimento que questiona a demora no uso do veículo para atender à demanda na cidade. O texto, de autoria do vereador Irander Augusto (PRB), foi aprovado por unanimidade. “Tenho recebido reclamações. Peço uma ação do castramóvel nos bairros, por exemplo, uma vez a cada três ou seis meses”, disse. O vereador Júlio Lopes (PP) argumentou que são necessários, ainda, a compra de equipamentos para o castramóvel bem como um veículo que faça reboque da unidade especial.

A Prefeitura, à reportagem do JC, informou que é importante ressaltar que, apesar do não funcionamento do castramóvel, o município continua fazendo os serviços gratuitos de castração de cães e gatos. “Os proprietários interessados devem procurar o Centro de Controle de Zoonoses. O castramóvel não está funcionando porque o município recebeu o castramóvel sem os equipamentos necessários para a realização das cirurgias e, no momento, a Secretaria Municipal de Saúde não dispõe de previsão orçamentária para a aquisição dos equipamentos, orçados em aproximadamente R$ 150 mil. Além disto, para o deslocamento do castramóvel é preciso ter um veículo para rebocá-lo. A prefeitura de Rio Claro pretende buscar parcerias para o assunto”, comunicou.

O veículo especial já conta com ar-condicionado, pias com água corrente, local de recuperação para os animais ficarem antes e depois da cirurgia, além de mesa de cirurgia.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: