Campanha de doação de sangue acontece nesta quarta no Grêmio

94

Divulgação

VAMOS PARTICIPAR: acontece hoje em Rio Claro, no Grêmio da Santa Cruz, mais uma campanha de doação de sangue
VAMOS PARTICIPAR: acontece hoje em Rio Claro, no Grêmio da Santa Cruz, mais uma campanha de doação de sangue

Hoje, quarta-feira (10), o grupo de voluntários “Mais Vida” realiza mais uma campanha de doação de sangue em Rio Claro. Todo o material recolhido será destinado ao Hospital Amaral Carvalho, da cidade de Jaú. Interessados devem procurar o prédio do Grêmio Recreativo do bairro Santa Cruz, sito na Rua 9 entre as avenidas 8 e 12, das 16 às 19h30. Mas, atenção. Para ser um doador é necessário observar algumas regras básicas de saúde.

De acordo com as informações contidas no site do Hemocentro de São Paulo (Pró-Sangue), é preciso estar em boas condições de saúde, ter entre 16 e 69 anos, desde que a primeira doação tenha sido feita até 60 anos, pesar no mínimo 50 kg. É necessário que, antes da doação, a pessoa esteja descansada (ter dormido pelo menos 6 horas nas últimas 24 horas), estar alimentado (evitar alimentação gordurosa nas 4 horas que antecedem a doação).

Quem comparecer até o Grêmio Recreativo do Santa Cruz não pode se esquecer de apresentar documento original com foto emitido por órgão oficial (Carteira de Identidade, Cartão de Identidade de Profissional Liberal, Carteira de Trabalho e Previdência Social). Antes da coleta do material, o cidadão passa por uma entrevista prévia e, por isso, é preciso ser sincero na hora de responder aos questionamentos.

IMPEDIMENTOS

Nem todos podem participar destas campanhas por estarem impossibilitados de doar sangue. É o caso dos diabéticos. Esses pacientes têm importantes alterações do sistema cardiovascular e, em consequência disso, durante ou logo após a doação de sangue, podem apresentar alguma reação que agrave seu estado de saúde. Aqueles que pesam menos de 50 quilos também estão impedidos. Isso porque o volume de sangue total a ser coletado é diretamente relacionado ao peso do doador. Para os homens não pode exceder a 9ml/kg peso e, para as mulheres, a 8ml/kg peso. O anticoagulante presente na bolsa de coleta liga-se ao sangue, impedindo que este coagule.

O volume de anticoagulante da bolsa é padronizado para um mínimo de 400 ml de sangue. Logo, uma pessoa com peso inferior a 50 kg não poderia doar o volume mínimo. A doação de sangue não é permitida durante a amamentação. A mulher que está amamentando não pode doar sangue, a menos que o parto tenha ocorrido há mais de um ano.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: