Favari Filho

FIM DE JOGO?: clube da Cidade Azul não tem garantias de continuar recebendo auxílio da prefeitura
FIM DE JOGO?: clube da Cidade Azul não tem garantias de continuar recebendo auxílio da prefeitura

A equipe do Rio Claro Basquete – que tem estreia no NBB [Novo Basquete Brasil] marcada para o dia 9 de novembro contra o Vitória, às 20 horas, no Felipão – pode ser esfacelada nesta sexta-feira (28). O fim do time que trouxe tantas alegrias para a torcida leonina pode ser anunciado às 12 horas, caso a próxima administração não firme um comprometimento com o clube, que completa trinta e cinco anos em 2016.

Segundo o atual secretário de Esportes, Sérgio Luiz Costa Ferreira, a diretoria fez o possível para conversar com os próximos gestores de Rio Claro, pois o campeonato tem início este ano, mas continua em 2017 e seria impossível garantir o time no certame sem alguma segurança. “Por isso, vamos aguardar até o meio-dia, estou fazendo o possível para manter o time, mas caso não haja retorno vamos pedir licença do NBB”, expôs ao Caderno de Esportes.

O clube que completa trinta e cinco anos de tradição foi Campeão Brasileiro em 1992 e 1995 e Campeão Paulista nos anos de 1987, 1991, 1993, 1994 e 1995.

Procurado pelo JC, Juninho disse que está aberto ao diálogo e que, devido a “toda tradição do RCB e pelas grandes conquistas alcançadas em governos e parcerias anteriores, temos todo interesse na manutenção e fortalecimento da equipe, pois o basquete é um orgulho para os rio-clarenses. Porém, durante toda a campanha eleitoral, me comprometi em atender, primeiramente, as necessidades que afligem a população no atendimento básico da Saúde, Educação e Serviços Públicos”.

ÚLTIMOS ANOS

Vale destacar que o Leão disputou por três anos consecutivos [2009, 2010 e 2011] o Torneio Novo Milênio e o Campeonato Paulista. Em 2012, foi campeão da primeira fase do Paulista e dos Jogos Regionais. Em 2013, conquistou o título na primeira fase do Paulista, participou da Super Copa Brasil e venceu a Copa Brasil Sudeste.

Em 2014, conquistou a Liga Ouro, que deu acesso ao NBB-7 e foi oitavo lugar no Paulista. Na temporada 2014/2015, disputou, pela primeira vez, o Novo Basquete Brasil [NBB]. Em 2015, ficou em terceiro lugar no Paulista. Na temporada 2015/2016, foi o oitavo colocado no NBB e, em 2016, foi o sexto colocado no Paulista.

A sua assinatura é fundamental para continuarmos a oferecer informação de qualidade e credibilidade. Apoie o jornalismo do Jornal Cidade. Clique aqui.

Mais em Esportes:

Bia Haddad decepciona e cai na estreia em Wimbledon

Rio Claro realiza 1ª Corrida Sem Barreiras