O Departamento Autônomo de Água e Esgoto (Daae) de Rio Claro informa que, devido à elevação da turbidez da água do rio Corumbataí provocada pelo grande volume de chuvas, teve que paralisar o funcionamento da Estação de Tratamento de Água (ETA) 2 no meio da tarde deste domingo (27).

A ETA 2 fica na estrada que liga o Distrito Industrial ao distrito de Ajapi e é responsável por 60% do abastecimento de água de Rio Claro. Os outros 40% são abastecidos pela ETA 1, no bairro Cidade Nova, que capta água do Ribeirão Claro e continua com funcionando normal, pois apesar das águas do Ribeirão terem tido a turbidez aumentada, estão dentro dos parâmetros para tratamento.

As fotos mostram a diferença da água bruta captada no Corumbataí em situação normal e nas condições deste domingo (27).
blank
As fotos mostram a diferença da água bruta captada no Corumbataí em situação normal e nas condições deste domingo (27).

De acordo com Paulo Roberto Bortolotti, superintendente do Daae, a paralisação da ETA 2 ocorre como medida preventiva e tem previsão inicial de 12 horas. “As chuvas encheram o Corumbataí e carregaram para dentro de seu leito os materiais orgânicos que estavam depositados em suas margens, deixando a turbidez da água muito acima do normal e da capacidade de tratamento projetada para nossa ETA”, explica Bortolotti.

Entre os bairros atendidos pela ETA 2 estão Mãe Preta, Grande Cervezão, Santana, Distrito Industrial, Vila Industrial, Arco-íris, Alan Grey, Vila Verde, Vila Nova, Vila Martins, Jd. Floridiana, Jd. América, Jd. Progresso 1 e 2, Jd. das Flores, Jd. Bandeirantes, Jd. Primavera, Jd. Portugal, Jd. Karan, Jd. Ipê, Jd. São João, São Miguel, Santa Maria, São Caetano, Parque Residencial, Ipanema, Chácara Rupiara, Residencial Florença, Residencial Regina Picelli, Águas Claras e Santa Clara 1 e 2.

Mais informações podem ser obtidas pela Central de Atendimento do Daae, no telefone 0800-505-5200.

A sua assinatura é fundamental para continuarmos a oferecer informação de qualidade e credibilidade. Apoie o jornalismo do Jornal Cidade. Clique aqui.