1ª Virada da Saúde começa em São Paulo

53

Divulgação

A Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Municipal da Saúde, realizará a Virada da Saúde de 7 a 12 de abril, em comemoração ao Dia Mundial da Saúde. O evento inédito, que conta com o Instituto Saúde e Sustentabilidade como correalizador, nasce para aproximar a sociedade do tema saúde e da importância de viver em um ambiente saudável e sustentável nos grandes centros urbanos.

“Temos o compromisso de prestar atendimento com qualidade à população em nossos serviços municipais de Saúde, sem deixar de lado a promoção e prevenção em saúde. É fundamental que as pessoas possam interagir com os espaços da cidade na construção de ações voltadas à qualidade de vida e ao autocuidado e isso é o que queremos estimular com a Virada da Saúde”, destaca o secretário municipal da Saúde, José de Filippi Jr.

A Virada da Saúde trabalhará quatro eixos principais por toda a cidade de São de Paulo nessa semana, com atividades desenvolvidas nas Unidades Básicas de Saúde, na Rede Municipal Ambulatorial Especializada, em parques e instituições parceiras. Estão programadas ações de esporte, lazer, nutrição, yoga e práticas meditativas; palestras, rodas de conversa, painéis e jogos, além de exposições, teatro, filmes e intervenções artísticas sobre o tema saúde.

Programação

Durante o evento serão mais de cem atrações e atividades gratuitas criadas para promover a saúde como parte do dia-a-dia de crianças a idosos. Dentre os exemplos, o público poderá sentir o que é viver com ar limpo e saudável, conhecer (por dentro) o funcionamento do intestino, participar de mostras de vídeo e rodas de conversa sobre o luto, depressão e saúde da mulher e poderá conhecer o ‘Calouros Brasil’ que vai alcançar a rua com intervenções sobre temas sensíveis à saúde.

A tecnologia também estará presente no programa da Virada da Saúde e o público terá oportunidade experimentar a realidade de deficientes físicos com ajuda da tecnologia e participar do ‘Inspira São Paulo’ – um ciclo de palestras com renomados profissionais de saúde e qualidade de vida.

“Queremos mostrar que existe uma série de oportunidades para se alcançar qualidade de vida utilizando um discurso positivo, algo que vá além da visão assistencial e da doença. O papel do cidadão na promoção de sua própria saúde e de seus familiares e amigos durante sua vivência nos centros urbanos é o que mais conta nos dias atuais”, explica Evangelina Vormittag, diretora presidente do Instituto Saúde e Sustentabilidade.

As atividades acontecerão simultaneamente em diversos parques da cidade. Fábricas de Cultura Sesi/FIESP e Itaú Cultural também participarão da programação, além de centros culturais, museus e a rua, que será palco de atividades lúdicas e propostas inéditas nesse tema. As atrações da Virada da Saúde são desenvolvidas com a parceria institucional da LVBA Comunicação, Associação Paulista de Medicina (APM) e Virada Sustentável, apoio da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (FIESP), Comunica-Estúdio de Comunicação, Ketchum, Lobo&Rizzo Advogados e NeoÂnima. A promoção é do Catraca Livre e Planeta Sustentável.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: