Volume de cartas tem se mantido estável no país, segundo os Correios

60

Valdira Guimarães Augusto

Dados dos Correios apontam que o volume de envio de correspondências tradicionais no Brasil ainda tem se mantido estável
Dados dos Correios apontam que o volume de envio de correspondências tradicionais no Brasil ainda tem se mantido estável

Nesta sexta-feira, 1º de agosto, comemora-se o Dia Nacional do Selo. Nesta mesma data, em 1843, entrou em circulação a primeira emissão postal brasileira, cuja série era conhecida por “Olho de Boi”. Hoje, com o avanço da Internet e redes sociais, os selos passaram a ser muito mais de interesse de colecionadores.

De acordo com informações dos Correios, em todo o mundo houve uma redução de 8% no envio de correspondências tradicionais. No Brasil o volume de cartas tem se mantido estável, mas o órgão avalia que a tendência é de que, em médio prazo, o Brasil siga esse caminho.

Mas se o envio de correspondência tradicional, por hora, se mantém estável, em contrapartida, houve registro de grande aumento em segmentos como, por exemplo, cartas via internet e telegramas postados via web, de acordo com a assessoria de imprensa dos Correios.

O órgão destaca que tem atuado no segmento de serviços postais eletrônicos, assim, atualmente é possível redigir uma carta diretamente no site da empresa, que se encarrega de imprimi-la em uma unidade próxima ao destinatário e realizar a entrega.

SELOS

Com o passar dos anos, os selos tornaram-se objeto de desejo de muitos colecionadores e servem até para celebrar ocasiões especiais. Neste contexto, para marcar o 21º Campeonato Mundial de Balonismo, realizado em Rio Claro de 17 a 27 de julho, no mesmo mês foi realizada cerimônia para apresentação do selo “21st World Hot Air Balloon Championship” e lançamento do carimbo comemorativo ao evento.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: