Mulher toma a vacina contra a gripe na campanha antecipada na capital e na Grande São Paulo (foto: A2img / Eduardo Saraiva)

Divulgação

Por determinação do Ministério da Saúde, Rio Claro prossegue com a vacinação contra a gripe enquanto os estoques da vacina não se esgotarem. O município já superou a meta, porém o percentual de crianças e gestantes ainda não alcançou o índice previsto de 80% de cobertura.

Boletim da Vigilância Epidemiológica de Rio Claro, divulgado na tarde dessa sexta-feira (3) registrou 53.933 doses ministradas para uma população estimada de 40.937, o que significou uma cobertura de mais de cem por cento no município. Os grupos criança (77,48%) e gestantes (69,73%) estão sendo chamados a comparecer na unidade de saúde mais próxima de seu bairro.

Devem receber a dose os seguintes grupos: cidadãos a partir dos 60 anos, crianças na faixa etária de seis meses a menores de cinco anos, puerperas até 45 dias após o parto, trabalhadores da saúde, povos indígenas, grupos portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais; adolescentes e jovens de 12 a 21 anos sob medida sócio-educativa, população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional.