Sistema de voto por biometria é comemorado em Analândia

64

Vivian Guilherme

Eleitores protestam contra voto fantasma (foto: Reprodução - http://unidosporanalandia.blogspot.com.br)
Eleitores protestam contra voto fantasma (foto: Reprodução – http://unidosporanalandia.blogspot.com.br)

Pela primeira vez os eleitores da região votaram utilizando o sistema de biometria, identificação por digital. Cinco cidades utilizaram o método: Santa Gertrudes, Corumbataí, Ipeúna, Analândia e Itirapina. Segundo Zulmira Zotesso, auxiliar da Zona Eleitoral 245, o processo correu bem. “No começo foi um pouco lento, porque os mesários e os eleitores estavam pegando a prática, mas depois que se acostumaram tudo correu bem”, conta.

A auxiliar diz que algumas pessoas chegaram nas seções para votar, mas não haviam feito o recadastramento. “Essas pessoas não poderão votar no segundo turno e devem procurar o cartório a partir do dia 15 de novembro para regularizar”, afirma. Ela explica que o processo biométrico deverá ser adotado por todas as cidades até 2018. A ZE 245 foi escolhida para iniciar a votação por biometria, especialmente, pela cidade de Analândia que apresentava mais eleitores do que habitantes.

Zulmira comenta que diversos títulos na cidade foram cancelados. A Ong Amasa, que sempre se queixou sobre os votos fantasmas em Analândia comemorou a medida. No blog da entidade, os integrantes postaram: “Mais uma vez mostramos que não vamos permitir mais eleitores fantasmas. A cidade é sim da população Analandense! E em 2016 teremos uma eleição ainda mais limpa!”, escreveram.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: