Antonio Archangelo

A disputa pela prefeitura de Santa Gertrudes contará com, pelo menos três candidatos oficializados pelas convenções partidárias. O atual prefeito Rogério Pascon, do PTB, “trocará” de vice caso vença o pleito. A nova chapa do trabalhista, tem como vice o vereador Glalson Chamon, do PSDB.

O atual vice de Pascon, Paulo Zemuner (PDT), sairá como candidato a vereador e apoiará a reeleição de Pascon, ele cogitava uma candidatura própria ao Executivo, mas declinou a pretensão.

A convenção, da aliança Pascon/Chamon conta com apoio do PTB, PSDB, PDT, PSD (do atual presidente da Câmara, Dr. Marcelo), PMDB, PRB, PRP, PSC, PCdoB, PT, PP, PROS e PSB.

Do outro lado, o candidato da oposição é ex-vereador Gino da Farmácia (PPS). Este ano, com o apoio do ex-prefeito João Carlos Vitte, do Democratas que indicou o candidato a vice: Gustavo Bonfin, Gino concorrerá ao Executivo novamente. O grupo que sustenta sua candidatura é formado por PPS, PTN, DEM, PV, PR e Rede.

Em chapa pura, o Solidariedade de Santa Gertrudes lançará o nome do microempresário Alex Mendonça e sua vice será Lilian Costa, do mesmo partido. Os nomes dos pré-candidatos ainda passarão pelo crivo da convenção partidária da sigla, que está prevista para hoje, dia 5 de agosto, último dia para a realização da mesma, de acordo com o calendário eleitoral divulgado pelo TSE.

REGIÃO

Nos próximos dias, o JC divulgará os candidatos a prefeito que passaram pelo crivo das convenções partidárias que definiram os candidatos ao Executivo e os candidato a vice-prefeito das cidades da microrregião.

Das prefeituras em disputa, o prefeito de Cordeirópolis Amarildo Zorzo (PV), de Itirapina, Zé Maria (PMDB) e Vicente Rigitano (PSD) de Corumbataí, também buscam reeleição