Prefeitura pede apoio da comunidade para que cidade permaneça limpa

316

No bairro São Miguel está um dos seis ecopontos de Rio Claro e, mesmo assim, a falta de educação de uma minoria prejudica moradores do bairro com o descarte incorreto de materiais. Nesta semana, nova ação de limpeza será feita pela prefeitura em terreno do bairro que fica em frente ao ecoponto, pois uma grande quantidade de lixo e entulho foi deixada no local, situado a 50 metros de onde, em breve, será construído posto de saúde.

“A pessoa que age dessa maneira, fazendo descarte incorreto de materiais, está deixando a cidade suja e desperdiçando dinheiro público, pois os serviços de limpeza pública mobilizam servidores, máquinas e equipamentos”, comenta o prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, reforçando a orientação para que todos colaborem com a conservação dos serviços de limpeza e manutenção. Os ecopontos, por exemplo, abrem de segunda a sábado das 8 às 20 horas, e nos feriados, das 8 às 17 horas e ficam nos bairros São Miguel (anel viário, perto da Avenida 62A), Inocoop/Guanabara (Avenida Tancredo Neves com a rodovia Fausto Santomauro), Jardim Figueira (Avenida 54 em frente à Rua 27), Jardim das Palmeiras (Avenida 3JP, ao lado da Estação de Tratamento de Esgoto), no Cervezão (Rua 6A, Avenida M21) e Jardim São Paulo (Rua 1A).

Além dos ecopontos, o bairro São Miguel conta com todos os outros serviços oferecidos pela prefeitura para o descarte correto de materiais. A coleta de lixo domiciliar é feita três vezes por semana, o bairro é atendido com o serviço mensal de cata bagulho, no qual caminhão da prefeitura recolhe porta a porta itens inservíveis, como móveis velhos e recebe também coleta seletiva. “A colaboração da comunidade é essencial para que os bairros fiquem em ordem, não adianta a prefeitura limpar e logo em seguida jogarem lixo e sujeira de novo”, ressalta o prefeito Juninho.

3 COMENTÁRIOS

  1. Tomara que a população faça a sua parte, direitos todos cobram o tempo todo, agora cumprir seus DEVERES como cidadão ninguém faz! Se a pessoa faz isso no espaço público, imagina como deve ser dentro da casa dela…como diria minha mãe: educação vem de berço! Depois reclamam de epidemia de dengue, escorpião, febre amarela, leptospirose…mas na hora de cumprir o seu dever não jogando lixo e entulho em lugares inapropriados ninguém pensa nas consequências que envolverão os demais que não tem nada a ver com isso…

    • O problema é que a pessoa vai lá fazer o descarte corretamente nas caçambas do eco ponto e praticamente todos os dias estão lotadas , e as pessoas que lá trabalha proíbe o cidadão de jogar lá dentro corretamente, ..

      Vc voltaria com o entulho pra sua casa ou jogaria ali msm ?

      Falta da prefeitura administrar melhor o local e manter limpo para q possa se fazer o descarte corretamente !!

  2. Falta de vergonha de quem jogo e dessa administração medíocre dessa cidade , as caçambas demores lotadas e quem trabalha no local proíbe a população de jogar seu lixo corretamente , fui barrado já é joguei bem em frente ao portão , não jogue onde não é pra jogar , já não pode lá dentro jogue no portão do eco ponto ,é raro as vezes que você vai lá fazer algum descarte e ter alguma caçamba vazia , prefeito fala falta de vergonha do morador pra tirar do rabo dele , sem vergonha !!

Qual sua opinião? Deixe um comentário: