Famílias ocupantes das moradias no conjunto habitacional

Carine Corrêa

Famílias ocupantes das moradias no conjunto habitacional
Famílias ocupantes das moradias no conjunto habitacional

O prazo para desocupação dos imóveis que integram o Conjunto Habitacional Santa Lúcia no bairro Boa Vista II expirou nesse domingo (21), conforme determinação expedida pela justiça.

Nesta segunda-feira (22), o coronel da reserva da Polícia Militar, João Donizete Scozzafave, que atua como encarregado da segurança patrimonial da RPS – responsável pelo empreendimento – informou que vários invasores já deixaram os imóveis, restando apenas cerca de 20 a 25 famílias no residencial. “A empresa inclusive já retomou os serviços nas casas que foram desocupadas, já que temos um prazo de entrega do Conjunto à Caixa Econômica Federal”, disse.

Uma nova reunião está agendada para esta terça-feira (23) com membros da comissão que se formou para avaliar a melhor forma de desocupar o restante dos imóveis do residencial, caso não haja a saída espontânea. “Iremos discutir uma ação mais incisiva junto à Polícia Militar para a retirada dos outros invasores. Mas é bem possível que até o final desta segunda (22) mais famílias deixem as casas”, finaliza Scozzafave.