Na tarde de ontem (11), a equipe da Patrulha Maria da Penha foi solicitada no Lago Azul, para averiguar uma denúncia.
Próximo do local foi localizada uma mãe com uma criança desfalecida em seu colo, que informou que havia acabado de se separar do marido e que durante a mudança de sua residência, a criança acabou ingerindo um medicamento forte, usado como sedativo.

Diante da gravidade da situação o resgate foi acionado no local e a criança, de apenas 2 anos, foi conduzida até a UPA da 29 onde foi rapidamente atendida e medicada, permanecendo em observação. A equipe da Patrulha passou novamente após a meia-noite no hospital e foram informados que a criança não corria risco de morte.

A sua assinatura é fundamental para continuarmos a oferecer informação de qualidade e credibilidade. Apoie o jornalismo do Jornal Cidade. Clique aqui.

Mais em Notícias:

Idoso morre vítima de Covid em Rio Claro