Valdira Guimarães Augusto

paixao

A 6ª edição da Encenação da Paixão de Cristo de Rio Claro acontece nesta sexta-feira em duas sessões para o público, sendo a primeira às 19h30 e a segunda às 21h30. A apresentação será no Estádio Municipal “Augusto Schmidt Filho” e a entrada é um quilo de alimento não perecível.

Com uma mensagem de fé e amor, a encenação narra ao público a história do nascimento, vida, morte e ressurreição de Jesus Cristo. Tiago Megale, que assina a direção artística e roteiro, e Vagner Llari, que também colaborou com o roteiro, destacam que, ano passado, a arquibancada do Schmidtão ficou lotada, sendo que muitas pessoas não conseguiram entrar no local. “O público tem sido maior a cada ano e, pensando nisso, resolvemos fazer duas sessões neste ano”, aponta. Llari acrescenta que outro fator se deve ao fato de ocorrerem celebrações e procissões em várias localidades da cidade. Assim, com duas sessões, mais pessoas terão acesso ao espetáculo.

Para o diretor artístico, a encenação da Paixão de Cristo reúne dois importantes fatores: o religioso e o artístico. “Acho que são duas óticas, sendo a primeira a Cristã, pois acredito que nós conseguimos, com essa encenação, passar para o público uma mensagem de fé e de amor muito bonita. Na verdade, quem passa essa mensagem é Jesus, nós só adaptamos a sua história para a linguagem teatral. A segunda ótica é a artística, porque sou ator e acho que a cultura, pelo menos no teatro, não está tão acessível assim ao povo. E esta é uma oportunidade de se assistir a um espetáculo teatral de graça. Além disso, acredito na função social do teatro, de informar, de provocar, de cutucar. Seria muito bom se todo mundo conseguisse associar os personagens da peça com as pessoas da nossa sociedade, principalmente na época das eleições”, avalia.

Para Llari, este trabalho também é feito com o objetivo de tentar mostrar a dor, sofrimento e paixão de Jesus Cristo. “E o porque Ele quis passar tudo isso, para que todos possam refletir nessa história que, ao meu ver, é a maior prova de amor que já existiu”, salienta.

A encenação da Paixão de Cristo de Rio Claro conta com o envolvimento de mais de 150 pessoas. O evento é organizado pelas comunidades católicas, com as paróquias Bom Jesus e Nossa Senhora Aparecida, e apoio da Secretaria Municipal de Turismo.

A sua assinatura é fundamental para continuarmos a oferecer informação de qualidade e credibilidade. Apoie o jornalismo do Jornal Cidade. Clique aqui.

Mais em Notícias:

Rio Claro vacina contra a Covid nesta 6ª-f a partir das 7h30

Princesa Victoria ganha consultório odontológico