Imprudência de motoristas pode causar colisões em rotatória

103

Sidney Navas

DESRESPEITO: alguns condutores preferem ignorar as leis e a sinalização, e fazem conversão proibida para acessar o bairro Santa Elisa, em Rio Claro
DESRESPEITO: alguns condutores preferem ignorar as leis e a sinalização, e fazem conversão proibida para acessar o bairro Santa Elisa, em Rio Claro

Situação de risco. A imprudência e o desrespeito à sinalização podem ocasionar graves acidentes na rotatória situada do final da Saburo Akamine com a Avenida Marginal, nas imediações do Santa Elisa. José Geronimo, que sempre passa por esse local, conta que muitos motoristas e motociclistas preferem ‘cortar caminho’ trafegando alguns metros pela contra-mão quando querem acessar o bairro. “Nesses dias, uma moto quase bateu de frente com o meu carro. Levei um susto”, comenta o homem.

Quem também faz o alerta é o comerciante Pedro Vitorino, o qual observa que o problema se potencializa principalmente nos horários de maior movimento, como o começo da manhã e final da tarde. “É um verdadeiro ‘salve-se quem puder’, boa parte prefere se arriscar”, dispara o homem.

O certo para quem vem pela Avenida Marginal é entrar na Saburo Akamine até a Rua 25 e aí sim pegar o retorno para acessar o Santa Elisa. O problema é que muitos entram direto na Rua 27 assim que passam pela rotatória. O comandante da Guarda Civil Municipal, Wlademir Walter, salienta que é preciso respeitar as leis de trânsito e que a falta de educação de parte da população representa um grande perigo à coletividade. “Não há como deixar uma viatura nesse cruzamento 24 horas por dia. O local está devidamente sinalizado, basta seguir o que determina a legislação”, observa o comandante. A Saburo Akamine também é responsável pela ligação ao bairro Jardim Matheus Maniero, cujo movimento é intenso.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: