Grupo se reúne para visitar antigo prédio do Chanceler

1051

Muitos moradores de Rio Claro questionam o abandono do prédio que um dia abrigou parte da Escola Estadual Chanceler Raul Fernandes, na Vila Operária. Parte da população do bairro reclama da presença de usuários de drogas nas antigas dependências da escola e pedem que mudanças sejam feitas no local.

Um ex-professor, que passou em frente ao prédio recentemente, se espantou e se chateou com as condições em que a antiga escola se encontra. José Raphael de Silva Rocha, inclusive, entrou nas dependências do prédio e ficou ainda mais perplexo com a situação: “Me dói no coração ver o abandono da escola. Sei que dizem que vão fazer uma Fatec ali, mas até que façam deveriam preservar o prédio que lá existe”.

Motivado por sua visita, José Raphael decidiu reunir um grupo de ex-alunos, ex-professores e outras pessoas da comunidade para irem até o prédio abandonado no próximo sábado (24), às 10 horas, e fazerem um movimento para ver como o local está e exigir melhorias.

José Raphael de Silva Rocha ressalta que todos estão convidados a participar da ação.

Planos

Como já noticiado pelo JC, o Governo do Estado de São Paulo, responsável pela área, pretende inaugurar uma FATEC no local.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: