Confirmado: UVA não desfila no Carnaval de 2016

74

Lourenço Favari

Na noite de quarta-feira (10), os diretores da UVA se reuniram com a Uesca para informar a decisão
Na noite de quarta-feira (10), os diretores da UVA se reuniram com a Uesca para informar a decisão

Em nota enviada à redação, a diretoria da escola de samba Unidos do Vila Alemã (UVA) informou que não participará do desfile de carnaval de 2016. “Conforme já havíamos tratado em reuniões passadas com a direção da Uesca (União das Escolas de Samba da Cidade Azul) e com a administração municipal, a nova diretoria considera inviável a participação no desfile carnavalesco de 2016”, declara.

O documento ressalta que somente a UVA, das escolas de Rio Claro, não possui sede própria. “Nossa agremiação é a única em atividade sem sede para desenvolver e preparar os trabalhos para participação da maior festa popular e principal produto turístico da cidade.”

A diretoria esclarece ainda que a situação fere o princípio de igualdade entre as agremiações, deixa a UVA desfavorável em relação às outras e prejudica o trabalho de preparação do desfile.

Na noite de quarta-feira (10), os diretores da UVA se reuniram com a Uesca para informar a decisão. “Os integrantes da nossa escola já tinham concordado. Oficializamos para Uesca e, na quinta-feira (11), protocolamos o mesmo documento [enviado também ao JC] na prefeitura”, contou a presidente da escola, Kaira Guastalli.

UESCA

O anúncio pode modificar a ordem do desfile, sorteada no dia 26 de maio deste ano. O vice-presidente da Uesca, Leandro Bortoloti de Freitas, informou que será realizada reunião na terça-feira (16) para tratar sobre o assunto. “Fica inviável ter dois dias de carnaval com apenas três escolas”, comenta. Sobre a desistência da escola, foi enfático: “Nossa preocupação é com o enfraquecimento do carnaval”.

Freitas conta que a entidade encaminhou ofício à prefeitura pedindo atenção do prefeito Du Altimari no caso e defendendo a cessão do espaço para a escola. “…Para que possamos tentar reverter a decisão, tendo em vista que já havia sido divulgado que eles receberiam um espaço dentro do chamado Espaço Livre da Vila Martins, que inclusive já foi utilizado por eles”, solicita em caráter de urgência o documento.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: