O trabalho, realizado entre as secretarias de esportes e turismo e a de meio ambiente, está acontecendo no momento que os campos não estão sendo utilizados por conta da pandemia.

O primeiro dia da realização do projeto foi acompanhado pelo prefeito Gustavo Perissinotto, pelo secretário Municipal de Meio Ambiente, Leandro Geniselli e pelo secretário de Esportes e Turismo, Yves Carbinatti.  

“Esse trabalho de manutenção nos gramados permite que os campos fiquem preparados e preservados para a volta dos campeonatos e das escolinhas de futebol que utilizam os locais”, disse Yves Carbinatti. 

“É uma ação bastante interessante que reutiliza este material como fertilizante, mantendo os gramados adequados para a prática do futebol, sem custos para a prefeitura, além de aumentarmos a vida útil do aterro”, complementou o secretário Leandro Geniselli. 

Ainda segundo a secretaria de Meio Ambiente, a ideia é, em breve, aumentar a leva da compostagem para também doar para pequenos produtores.Para receber a manutenção os presidentes dos clubes e administradores dos campos devem entrar em contato com a secretaria de esportes para solicitar, por meio de ofício, o material da compostagem, que será aplicado pela secretaria municipal de meio ambiente, seguindo cronograma dos pedidos.